As 10 melhores dicas financeiras para os recém-casados

foco-de-primeiro-plano-de-um-jovem-casal-colocando-moedas-no-cofrinho

Começar sua nova vida como recém-casados ​​significa combinar seus mundos, e isso inclui suas finanças.

Falar sobre suas finanças pode não ser o assunto mais romântico de conversa, mas é importante. É por isso que é fundamental encontrar o melhor conselho para os noivos que o ajudem a administrar seu dinheiro da melhor maneira possível.

Mesmo que vocês já tenham morado juntos antes de se casar, o gerenciamento do seu dinheiro mudará depois que vocês se tornarem parceiros legais.

Pode ser difícil falar sobre essas questões financeiras no início, mas isso melhorará suas habilidades de comunicação e evitará quaisquer mal-entendidos financeiros no futuro.

Além disso, trabalhar em equipe com suas finanças fortalecerá seu relacionamento e os ajudará a atingir seus objetivos financeiros juntos!

10 conselhos financeiros para recém-casados

Não deixe que seus assuntos financeiros atrapalhem seu relacionamento. Aqui estão 10 conselhos aos noivos para manter suas finanças em ordem!

Fale sobre a história financeira de sua família

Discutir a história financeira de sua família é uma das dicas mais importantes que você pode fazer para casais recém-casados.

Falar sobre a história de sua família com dinheiro é uma ótima maneira de iniciar uma conversa sobre as finanças de seu casamento.

Revelar como seus pais lidavam com o dinheiro, o que você aprendeu com o currículo financeiro deles e como eles o ensinaram a economizar ou gastar pode ser uma informação útil para os casais.

Isso também pode ajudá-lo a descobrir se você herdou inseguranças financeiras ou se tem bloqueios de dinheiro para superar. Dessa forma, você pode enfrentá-los como uma equipe e trabalhar para o sucesso financeiro!

Conta bancária conjunta para recém-casados

Alguns conselhos matrimoniais a serem considerados quanto à sua administração financeira são se você terá ou não contas bancárias compartilhadas ou separadas. Há prós e contras para ambos.

Se você optar por manter suas contas bancárias separadas, deverá prestar atenção especial ao orçamento e à separação das contas entre vocês dois. Caso contrário, sua gestão financeira continuará normalmente.

A escolha de ter uma conta bancária compartilhada significa que vocês dois terão acesso e contribuirão para uma conta bancária. Isso torna a vida mais fácil quando se trata de se tornar proprietário e pagar contas. Também é mais simples controlar os gastos quando você está trabalhando com uma conta.

As desvantagens de uma conta compartilhada ocorrem quando um dos cônjuges é menos cuidadoso do que o outro ao fazer compras ou frequentemente gasta demais.

Crie um orçamento de casal

Depois de casados ​​e morando juntos, você precisará criar um orçamento familiar mensal para casal. Primeiro, determine sua renda mensal compartilhada.

Em seguida, faça uma lista de suas despesas, como contas mensais, entretenimento, hipotecas, seguros, bem como empréstimos e outras dívidas. Depois de estudar esta lista, corte despesas não essenciais.

Ter um orçamento dará a você uma melhor compreensão de quanto você precisa arrecadar mensalmente e o ajudará a resolver dívidas e evitar gastos excessivos. Esta é uma das dicas mais importantes para casais recém-casados ​​para aplicar nas suas finanças.

Discuta suas finanças com seu cônjuge regularmente

As finanças do seu casamento não devem ser varridas para debaixo do tapete. As circunstâncias estão fadadas a mudar em vários pontos de sua vida de casado.

Portanto, crie o hábito de revisar suas finanças em uma base mensal ou bimestral para garantir que está se mantendo fiel ao seu orçamento doméstico.

O conselho aos recém-casados ​​é tornar esta discussão agradável. Sim, dinheiro é um assunto sério, mas é melhor comunicarmo-nos bem. Talvez planeje uma discussão sobre finanças de sobremesas e desfrute de um bolo delicioso enquanto fala sobre dinheiro.

Seja honesto sobre sua dívida

Um conselho matrimonial que funciona para todos os aspectos de seu relacionamento é este: seja honesto com seu cônjuge.

Isso é especialmente verdadeiro quando se trata de falar de dinheiro. Você não gostaria de exagerar sua renda, nem mentir sobre o montante de dívidas que você tem.

Muitos acham as dívidas constrangedoras, mas a verdade é que a maioria das pessoas tem dívidas em algum momento de suas vidas.

Isso pode ser empréstimos estudantis, dívidas de cartão de crédito, uma hipoteca ou um empréstimo de carro. Seja qual for o caso, informe seu parceiro sobre qualquer dinheiro que você deve antes de dar o nó.

Depois de ter discutido abertamente quaisquer dívidas que possa ter, tenha como objetivo saldá-las como casal. Você pode achar que não é sua responsabilidade saldar a dívida que seu cônjuge acumulou antes de vocês serem um casal.

No entanto, a dívida deles pode dificultar a obtenção de um empréstimo ou a compra de uma casa juntos. Além disso, uma vez que eles estão conectados à sua conta bancária, você se torna oficialmente responsável por qualquer dívida que contraem no casamento. Portanto, você pode reduzir a dívida mais rapidamente se fizer isso juntos.

Inicie um fundo de emergência

Você nunca se arrependerá de ter iniciado um fundo de emergência após o casamento. Essa conta poupança bloqueada é uma ótima maneira de reservar dinheiro para emergências ou ocasiões inesperadas. Por exemplo: se você perde o emprego, se de repente está esperando um bebê, o carro quebra e a lista continua.

Abra uma conta de poupança em ambos os seus nomes e configure uma transferência automática por meio de seu aplicativo de banco online ou revezar para colocar dinheiro na conta mensalmente. Um fundo de emergência crescerá lentamente com o tempo e lhe dará paz de espírito caso surja algum problema inesperado.

Não esconda seus hábitos de consumo

Um problema comum que causa conflitos no casamento são os gastos excessivos. Esses gastos podem acumular dívidas, causar desconfiança entre os parceiros e mostrar falta de respeito dentro do casamento.

Evite esses problemas de relacionamento consultando seu parceiro antes de fazer grandes compras e sendo aberto e honesto sobre seus hábitos de consumo.

Planejar a aposentadoria e criar um plano de herança juntos

Um de nossos conselhos mais importantes para os recém-casados ​​é que planejem a aposentadoria juntos. A aposentadoria será uma grande parte do seu casamento.

Este é o momento em que você relaxa, levanta os pés e começa a passar bons momentos juntos. Você pode planejar a aposentadoria configurando contas de poupança para aposentadoria.

Você também pode falar com um consultor financeiro sobre como investir e criar um plano imobiliário como parte do seu plano de aposentadoria.

É importante diversificar seus portfólios para criar suas contas de aposentadoria de forma eficaz. Limitar gastos desnecessários e orçamentos adequados ao longo de sua vida profissional também são ótimas sugestões para o planejamento da aposentadoria.

Crie metas financeiras como recém-casados

Um dos melhores conselhos para os recém-casados ​​é criar metas financeiras juntos. Ter metas definidas pode ajudá-lo a alcançar suas grandes visões na vida! Ao definir metas, lembre-se de torná-las específicas e mensuráveis. Também é bom definir metas de curto, médio e longo prazo.

Por exemplo, metas de curto prazo seriam coisas como economizar para as férias ou economizar para o Natal. Essas metas são normalmente entre 12-24 meses.

As metas de médio prazo exigem um pouco mais de planejamento e mais fundos do que as de curto prazo. Por exemplo, economizar para comprar um carro ou pagar a entrada de uma casa.

Metas de longo prazo vão exigir mais planejamento e determinação para serem alcançadas. Essas metas incluem coisas como economizar para a aposentadoria ou pagar a hipoteca.

Portanto, criar metas financeiras é uma das dicas mais importantes para os noivos que podem ajudá-los a estabelecer uma visão para a vida de vocês.

Ter noites de encontro econômicas

Uma dica muito importante para casais recém-casados ​​é encontrar coisas românticas e divertidas para fazer que não estourem seu orçamento.

É fácil sair e se divertir, comer jantares caros fora e ir ao cinema regularmente, mas isso pode ficar caro rapidamente. No entanto, é importante reservar um tempo e ter encontros noturnos que você possa aproveitar.

Há toneladas de ótimas ideias para encontros noturnos em casa para casais com orçamento limitado!

Você pode fazer uma noite de cinema em casa, um encontro no spa ou cozinhar uma refeição juntos. Divertir-se juntos sem gastar muito é o melhor conselho para os recém-casados ​​que ajudará a economizar dinheiro.

Use este conselho para recém-casados ​​para o sucesso financeiro

Um dos melhores conselhos que você pode seguir para os recém-casados ​​é ser sempre honesto sobre suas dívidas, renda e histórico orçamentário.

As finanças do casamento são um assunto complicado, mas é importante que você os discuta regularmente com seu parceiro. A comunicação é fundamental quando se trata de casamento.

Essas dicas para casais recém-casados ​​podem ajudá-lo a fazer um orçamento melhor, a criar metas e, o mais importante, a encontrar coisas divertidas para fazerem juntos. Por que não começar fazendo nossos cursos financeiros gratuitos juntos para trabalhar para o sucesso financeiro!

[Foto de Hispanolistic por iStockPhoto]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.